Sociedade

Espetáculo O Príncipe e a Aviadora será apresentado gratuitamente na próxima terça-feira no Centro de Eventos Martin Lutero

Peça traduzida em libras promove o acesso a um dos clássicos da literatura universal, com adaptação focada nos temas centrais do universo feminino.

Capanema, maio de 2019 – Acesso e integração via cultura são parte do que define a turnê do espetáculo infantil “O Príncipe e a Aviadora”, da companhia ST Produções Teatrais, que se apresentará em Capanema, na próxima terça-feira (dia 7 de maio), no Centro de Eventos Martin Lutero. Estão programadas duas sessões fechadas para escolas (10h30 e 14h), no entanto, a sessão das 19h será aberta ao público. É uma grande oportunidade de se ter contato com essa montagem que faz uma releitura de um dos maiores clássicos da literatura universal, o Pequeno Príncipe de Antoine de Saint-Exupéry, adaptado à atualidade e à valorização do feminino.

Capanema é uma das 10 cidades que integram a turnê programada pelo grupo, que até o dia 10 de maio terá percorrido cerca de três mil quilômetros pelo interior do Paraná para levar o espetáculo a municípios com menos de 50 mil habitantes.

O elenco é formado pelos atores Lucas Campos, Marina Franchi e Victor Carlim, que interpretam os personagens da trama. Só que na adaptação a aviadora, a contadora de estrelas e a vaidosa tratam de temas centrais do universo feminino. Todas sofrem uma crítica social, uma vez que transitam exclusivamente pelo universo masculino. A trama se desenvolve com cada personagem mostrando o quanto as “pessoas grandes” se preocupam com coisas superficiais e não dão valor ao que está debaixo de seus olhos. Será através de um sonho, tendo como cerne a trama de O Pequeno Príncipe, que acontecerá a reflexão, para uma resolução positiva. As 30 apresentações serão traduzidas em libras, de forma a enaltecer o tema da acessibilidade. 

Viabilização da turnê

O ator, diretor e produtor peruano Sandro Tueros, que assina a adaptação da obra que já foi encenada nos palcos da capital, admite que a viabilização dessa extensa programação pelo interior, que contempla três apresentações em cada cidade, sendo duas exclusivas para escolas públicas – priorizando os quartos anos - e uma aberta ao público, só foi possível via apoio da Companhia Paranaense de Energia (Copel), por conta do Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (Profice) que possibilita às empresas em situação regular, e inscritas em Regime Normal de Tributação, a renúncia fiscal de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para projetos de valorização à produção, difusão, circulação, pesquisa e a preservação dos bens culturais, além de ações de caráter educativo para a arte e a cultura no Estado.

A turnê contemplará as cidades de Campina Grande Do Sul, Mandirituba, Ipiranga, Tibagi, Laranjeiras Do Sul, Palotina, Guaíra, São Miguel do Iguaçu, Capanema e Rio Negro. Além da população reduzida, tais cidades possuem equipamentos culturais como: cines, teatros municipais, centros culturais ou casas de cultura, que demonstram um esforço dos departamentos e secretarias de cultura e educação em manter tais estruturas para oferecer a comunidade uma programação constante de produtos culturais. Segundo Tueros, esse comprometimento genuíno em garantir o direito à cultura, estabelecido na legislação brasileira, corresponde aos objetivos da companhia, que tem como uma das prioridades a formação de novas plateias do teatro paranaense. “O Profice visa a descentralização do teatro, ou seja, permite que as grandes cidades, que possuem produção de teatro, possam circular pelas pequenas cidades”, elogia o diretor.

 

Serviço:

O Pequeno Príncipe e a Aviadora
Quando:
7 de maio (próxima terça-feira)
Horário: 19h (sessão aberta ao público**)
Local: Centro de Eventos Martin Lutero - Rua Otávio Francisco de Matos, s/nº, bairro Santa Cruz
*Entrada franca
**Demais sessões são fechadas para as escolas
Adaptação de Texto e Direção:
Sandro Tueros
Duração: 60 minutos
Para mais informações sobre a programação, acesse: www.stteatro.com.br